Artigos e Publicações

Novos caminhos na sexualidade

Na última década muito se ouviu falar da liberdade sexual, da expressão sexual, do orgasmo feminino, das relações homossexuais, dos bi e transsexuais. Atualmente alguns grupos são adeptos do heteroflex e da assexualidade.

O termo heteroflex surgiu como a cominação “motorflex”, que funciona utilizando tanto alcool quanto gasolina.

Os heteroflex são na maioria jóvens que, em geral, na balada, “ficam” com pessoas do mesmo sexo para experimentar e curtir a nova descoberta, sem que isso implique uma alteração na sua opção sexual. Com o tempo e após as experimentações necessárias a pessoa decide se será hetero, bi ou homossexual.

Assexualidade é um movimento que vai de encontro à promiscuidade e a banalização que o sexo vem tendo na sociedade atual. Se caracteriza pela não pratica da sexualidade, a pessoa não tem desejo em se relacionar sexualmente nem com pessoas do sexo oposto, nem com pessoas do mesmo sexo que o seu.

O sexo já foi tabu e em pouco tempo muitas revoluções ocorreram no campo da sexualidade.

A sociedade não encontrou ainda o meio termo, a melhor forma de abordar o assunto, de construir uma nova identidade cultural e sexual, passou da repressão a total liberdade, muitas reflexões e ponderações têm sido levantadas mas que ainda não atingiram a massa.

A assexualidade vem crescendo e é encontrada entre jovens mas pode também ser opção para pessoas que já tiveram vida sexual ativa e mudaram sua postura diante do sexo.

É importante ressaltar que a opção pela assexualidade não corresponde a disfunção sexual.

Write a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Caminhar faz bem a alma

O ato de caminhar tem sido considerado uma atividade física aeróbica, sua prática auxilia na melhora do metabolismo, emagrecimento …

Dia do Sexo: 6/9

Tem gente que faz amor Tem gente que faz sexo sem amor Tem sexo com carinho Tem sexo selvagem   Sexo é vida Sexo é …

Quem conhece mais histórias, a TV ou o contador de histórias?

“Um antropólogo estava fazendo uma pesquisa com uma tribo africana quando lá chegou o primeiro aparelho de televisão. …