Psicoterapia com Adolescentes

O adolescente faz uma revisão de todas as experiências que viveu e elabora melhor os pontos de vista de forma mais atualizada e madura. É um período de experimentações em que se constroem identificações e também que se agregam características à personalidade que adquirirão caráter mais estável e duradouro.

Podem ser abordados na terapia temas como relacionamentos, conflitos, autoconhecimento, medos e inseguranças.

A relação terapêutica é construída com base na autenticidade, no respeito e no sigilo. Considera as características individuais, sem pré-julgamentos ou enquadres. Mas estabelece limites necessários ao bom andamento do tratamento.

O psicólogo está atento às influências que se exercem sobre o adolescente e sua relação com elas. Se mantém atualizado com os acontecimentos externos, utiliza linguagem apropriada para se fazer entender pelos jovens e está atento também à linguagem não-verbal.

O trabalho se desenvolve de forma dinâmica, atraente e lúdica, lança-se mão de recursos variados para tornar o momento terapêutico adequado a cada adolescente. Propicia o autoconhecimento e o pensamento analítico.

De acordo com o tema trazido pelo adolescente, se for de seu interesse, podem haver algumas sessões com os pais ou com a família. Podendo ainda ser inserido em grupo terapêutico específico para sua faixa etária, onde será possível desenvolver suas habilidades sociais e inter-relacionais.

Quem conhece mais histórias, a TV ou o contador de histórias?

“Um antropólogo estava fazendo uma pesquisa com uma tribo africana quando lá chegou o primeiro aparelho de televisão. …

Com que frequência você tem se dado um tempo para ouvir-se?

O dia a dia da maioria das pessoas é repleto de atividades, ocupações e afazeres. Com tantas demandas é quase impossível …

Emoções que aparecem na pele

Você já reparou que as pessoas observam nossa aparência e conseguem perceber sinais que indicam se estamos felizes ou …